Resenha: Se eu Ficar - Gayle Forman


"Às vezes você faz escolhas na vida, e às vezes as escolhas fazem você.
Essa é a beleza das coisas."

Mia é uma adolescente aparentemente comum de 17 anos, que tem como paixão tocar violoncelo. Sua família é totalmente o oposto dela, não curtem muito o mundo digamos "clássico" de Mia, gostam é de rock na veia. Porém, seus pais são extremamente carinhosos com ela, e seu irmão mais novo Teddy é uma graça.
 Sua vida era bastante boa, com expectativas e sonhos que qualquer adolescente gostaria de realizar, namorava Adam um garoto super de bem descolado, por quem tinha uma grande paixão e sua melhor amiga Kim era a amiga mais fiel de todas.

Resumindo Mia tinha tudo que gostaria de ter bem ao seu lado, mas de uma hora para outra tudo em que ela acreditava desaba. Um acidente é capaz de mudar a vida da mesma completamente, foi tudo muito rápido, uma hora ela estava indo com sua família visitar amigos, outra ela se via jogada no chão, com seus pais estirados também.


Sabe quando você fica sem tocar o chão, com aquela sensação de desespero e solidão? Bom, Mia estava vivendo tudo isso e mais um pouco, sua família se foi, ela não tinha mais ninguém tão próximo e para piorar estava em coma entre a vida e a morte. Tem como ser pior?

Tudo só dependia de uma única escolha, que poderia mudar tudo, ela simplesmente teria que decidir: Ficar ou não ficar.

********************
Emocionante, maravilhoso, encantador... essas seriam poucas palavras para descrever Se eu Ficar, acho que o livro me surpreendeu e emocionou em tudo, me fez pensar no sentido da vida, qual é o verdadeiro significado que damos a ela, quanto será que batalhariamos por ela?

Gayle Forman nos mostrou lindamente que dificuldades e escolhas podem vir a qualquer fase de nossas vidas, temos escolhas a fazer a todos os minutos.

Com toda certeza me apaixonei não somente pelo enredo, mas sim pelos personagens, que por sinal são cativantes. Adorei a pegada da autora perante Adam, ele é totalmente o oposto de Mia, descolado com mala de pegador e roqueiro, e Mia já é mais na dela, nerd, musicista. Como diz o ditado "os opostos de atraem".

Apesar da história ter um toque espirita, isso acabou não me incomodando muito, achei que foi essencial essa parte, porque poderíamos ver o que a protagonista estava sentindo.

Enfim, o livro é perfeito e que final é aquele, leiam pessoal, é simplesmente :o
Espero que tenham gostado da resenha, beijos e até mais.

Classificação: 

Um comentário:

  1. Ola sabrina, a resenha na minha opiniao esta ótima!! Ja assiste o filme e fiquei beeem interessada em ler o livro tbm heheh.
    Bjjjs!

    ResponderExcluir